segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Ensaios de Escola de Samba de São Paulo - Carnaval 2011


Boa noite,

O ano de 2011 vem se aproximando e é hora de já pensar no ano que se aproxima. Por isto a partir de hoje, na coluna lateral direita terá um especial com as datas, endereços e horário de todas as escolas de samba que estão na primeira divisão da liga paulistana de carnaval.

Não é nenhum preconceito contra nenhuma escola que está no grupo de acesso (inclusive a tradicional Camisa Verde e Branco), somente um critério para deixar o blog com as informações mais procuradas.

Lembrando que temos atualmente temos 14 escolas disputando a liga principal e que desfilarão na seguinte ordem:

Grupo Especial

Sexta-feira, 4 de março  
23h - Unidos do Peruche
0h10 - Tom Maior
1h05 - Acadêmicos do Tucuruvi
2h - Rosas de Ouro
2h55 - Mancha Verde
4h00 - Vai-Vai
5h05 - Pérola Negra 

Sábado, 5 de março
22h30 - Nenê de Vila Matilde
23h25 - Águia de Ouro
0h20 - Mocidade Alegre
1h15 - Unidos de Vila Maria
2h10 - X-9 Paulistana
3h05 - Gaviões da Fiel
4h10 - Império de Casa Verde

Basta escolher a escola de seu coração, da sua região e sair sambando.

Bom pré carnaval a todos nós!

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Roberta Sá e Trio Madeira no Sesc Pompéia


Boa noite amigos do samba,

O ano começa com o a boa notícia do showzaço da Roberta Sá no Sesc Pompéia. É a hora de quem não quis pagar caro ver a cantora, não ter mais do que reclamar.

Neste show, a cantora se une ao Trio Madeira: Marcello Gonçalves, Zé Paulo Becker e Ronaldo do Bandolim, para divulgar o repertório do disco “Quando o Canto é Reza”, com o universo musical do compositor baiano Roque Ferreira.

Com treze canções, oito delas inéditas, o álbum, lançado em agosto do ano passado, mistura a simplicidade da música de Roque, que já foi gravado por Clara Nunes, Maria Bethânia, Alcione e Zeca Pagodinho, com os arranjos sofisticados do Trio Madeira Brasil, passando pelo coco, o maxixe, o samba carioca, o maracatu, o ijexá, a ciranda e o afoxé.

Com produção de Pedro Luís e direção musical de Marcello Gonçalves, “Quando o Canto é Reza” abre espaço para a música instrumental, equilibrada com a voz de Roberta. Entre as músicas estão “Água da minha sede”, que deu nome a um dos discos de Zeca Pagodinho, e “Mandingo”, parceria do compositor com Pedro Luís.

Com certeza um dos melhores discos de samba do ano. Imperdível!

Quem: Roberta Sá e Trio Madeira
Quando: 06, 07 e 08/01 – 21h
Quanto: R$ 32 inteira
Onde: Sesc Pompéia

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Fabiana Cozza e Banda Mantiqueira no Sesc Belenzinho


Boa noite,

Neste final de semana tem mais homenagens de qualidade à Noel Rosa e Adoniran. Dois artistas de peso no samba, com repertório bem distinto entre eles, mas ambos com características bem críticas no olhar à sociedade.

E desta vez, e mais uma vez, a sensacional Fabiana Cozza comanda a homenagem acompanhada da excelente Banda Mantiqueira, big band paulista, fundada na década de 1980. Com arranjos do clarinetista Nailor Proveta, repertório inclui clássicos como Saudosa Maloca, A Estrela Dalva, Samba do Arnesto e Palpite Infeliz, além composições de outros autores. Imperdível!

Ps: vale a pena para conferir também o novo Sesc Belenzinho, que dizem que ficou deveras bonito.

Quem: Fabiana Cozza e Banda Mantiqueira cantam Noel e Adoniran
Quando: 18 e 19/12 – 21h e 18h respectivamente
Quanto: R$ 32 (inteira)
Onde: Sesc Belenzinho - Rua Padre Adelino, 1.000

Confira Fabiana Cozza

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Samba com Pedro Miranda na Aldeia Turiassú‏

Boa noite,

Pedro Miranda é um dos expoentes da nova geração da Lapa carioca. Ritmista, compositor e cantor de primeira, Pedro Miranda fez parte durante muito tempo do grupo Semente, grupo este que acompanha Teresa Cristina, cantora que dispensa apresentações.

Com Teresa Cristina sempre fez duetos, e até mesmo canções somente com ele, com tons mais hilários e engraçados, e sempre buscando nas raízes diferentes canções. No excelente CD Pimenteira, Pedro Miranda, segue a toada e junto a Paulão 7 cordas (no CD) criou um álbum elogiado por toda crítica, mas ainda não tão popular entre os sambistas.

O cantor se apresenta desta vez na Aldeia Turiassú, e informações dão conta que o show terá quase 3 horas de bom samba, e o salão estará aberto aos que gostam de dançar.

Quem: Pedro Miranda
Quando: sexta-feira 10/12 – 24h
Onde: Aldeia Turiassú
Quanto: R$ 25 H e R$ 20 M – nomes na lista (R$ 5 de desconto) no link: http://www.magnofestas.com.br/progSambaRock.php 

Confira Pedro Miranda

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Escuta o Cheiro


 Boa noite,

Hoje vou falar de uma roda interessante que visitei no mês passado. 

Estava voltando da minha cidade natal (Mococa), quando vi no Facebook uma amiga dizendo que estava indo para o “Escuta o Cheiro” em Sousas, região metropolitana de Campinas. 

Já havia recebido a notícia de alguns amigos de Campinas falando deste samba, prá lá de charmoso, que estava animando os últimos domingos do mês com uma roda no período da tarde.

A chegada foi tranquila, e encontrar a casa foi fácil, até para uma pessoa que como eu, nunca havia estado em Sousas. A casinha vermelha em um bairro tranquilo não parecia o samba que eu procurava, mas ao adentrar no quintal, desta quase chácara, pude avistar o que tanto atraia as pessoas da região. 

Árvores, mato, terra, e um ambiente familiar e agradável transformam o lugar num samba dos mais simpáticos e confortáveis a se conhecer. As pessoas de pés descalços e a proximidade entre os envolvidos num clima cheio de respeito e culto ao samba dão o tom e no repertório grande sucessos da história do ritmo embalam os mais animados.  

No cardápio feijoada, galinhada e um prato vegetariano. Um balanço de pneu amarrado nas altas árvores fazia a felicidade das crianças. Registrei alguns momentos do samba e do local, que podem ser conferidas no Flickr na faixa lateral direita, para que outros amantes conheçam e principalmente desfrutem deste samba. 
 
Viva Campinas e seus polos sambísticos! Viva o Escuta o Cheiro! 

Quem: Escuta o Cheiro
Quando: último domingo do mês, em dezembro será no dia 12/12
Quanto: R$ 12
Onde: Rua dos Expedicionários, 544 – Sousas

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Moacyr Luyz comanda o samba no Pirajá


Boa noite amigos do samba,


Primeiro gostaria de agradecer ao recorde de acessos conquistado durante a semana de comemoração ao Dia do Samba. É com muito prazer que divido com todos esta paixão pelo samba, e os acessos da semana passada provam que esta paixão possui uma massa em São Paulo e que não para de crescer.

E dando continuidade ao que o samba nos traz de bom, a grande pedida desta semana será o samba que acontecerá no Pirajá Bar.

Para alguns pode causar certo espanto um samba no Pirajá, mas para antigos conhecedores do bar, sabe-se dos projetos como o Esquinas Cariocas, que aconteceram de tempo em tempos e que gerou a gravação de um célebre CD, com as presenças de artistas do quilate de Beth Carvalho, João Nogueira, Dona Ivone Lara, Luiz Carlos da Vila, Walter Alfaiate e Moacyr Luz. Um clássico do samba.

Por una coincidência, ou não, o convidado principal deste sábado no Pirajá, será o ilustríssimo Moacyr Luz, que estará acompanhado das jovens damas do samba: Ana Costa, Mariana Baltar e Verônica Ferriani.

Imperdível!

Quem: Moacyr Luz convida Ana Costa, Mariana Baltar e Verônica Ferriani
Quando: sábado, 11/12
Quanto: grátis
Onde: Pirajá Bar – Av Faria Lima, 64

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

O Dia do Samba


Boa noite amigos do samba,

Agradeço ao samba pela paixão que sinto em minhas veias ao ouvir o romper de uma batucada.

O samba está na alma de quem sabe senti-lo, está no sorriso malandro do pandeirista, e aos amantes do samba, só resta se entregar ao copo e ao corpo. As noites de samba são eternas, e a roda nunca morre. E parafraseando Paulo Cesar Pinheiro: "eu quero aprender-lhe a medida, de como compõe minha vida, que é para eu compor minha morte".

Salve o samba.

Texto inicial do livro "Heranças do Samba"para compartilhar a todos amantes do samba. Feliz Dia do Samba a todos nós.

Mais do que uma arte

"'Flores em vida para Nei Lopes
Em memória de Anescarzinho do Salgueiro'

Falo do samba. Que outra forma de expressão é mais completa? O samba dialoga com a divindade, abraça o solo, envolve-se com águas, é verde antes da moda, vermelho antes da decepção, azul porque anteblue, amarelo porque dissidente, branco porque reunião, e negro porque um negro é um negro, é um negro, é um negro, negronoite, e a noite é a mãe de todos nós.

O capital não tem pátria. O samba tem: a alma, onde quer que ela esteja. Há os que se julgam remadores em direção ao futuro. Não sabem que o samba lhes esculpiu o barco. O fazer samba implica sempre ato de magia: é voltar. E como a essa esplêndida viagem se opõem o tempo e a ciência, o samba, encrenqueiro, volta para o futuro, numa reconquista do paraíso perdido, na qual temos que tomar conta de nossos ancestrais-bebês, sabendo que, em outro futuro próximo, as gerações vindouras chegarão para nos alimentar. Esse é o paradoxal ciclo aberto do samba. Porque o samba, mais que feitio de oração, nos ajuda a atravessar o vale da morte e das lágrimas, a lama da impunidade, o limbo das esperanças perdidas. O samba preside o nascimento e celebra o gurufim dos seres. Em linguagem cósmica, o samba estava na primeira explosão e estará no último gemido. Em todos os recantos onde nos expandimos ou onde nos confrangemos existe samba.

Heranças não pretende só recosturar tramas em direção as raízes, mas principalmente fazer com que as copas floridas se misturem e confraternizem, gerando a fecundação simultânea de idéias e ideais, cujas palavras alegre de desordem e de vento sejam: não confinar, não murar, não cercear. Que os vampiros enfiem as estacas vã-guardadeiras no solo crestado de suas próprias igrejinhas.

Muito se falou sobre liberdade de expressão, sobre a ação de patrulhas ideológicas e, no entanto, não apareceram os textos que deveriam denunciar os guetos-quilombos que se criaram devido ao isolamento, à sistemática descaracterização de nossa cultura, a violências de toda ordem, até que, exauridos, fomos entregues de bandeja a manifestações pretensamente modernas que visavam ao lucro selvagem, que fomentavam as falsas crises da nossa imbatível criatividade, religiosa, erótica, social, maior que uma arte. Alguns ingênuos foram cooptados, a preço de banana, por esse imediatismos de miçangas-pop, desmembrados no caos de uma oficina de desmonte que colhia talentos como se fossem peças de segunda mão. O que esses adoradores do presente ignoram é que samba cresce com a cachoeira e o monturo, o córrego e a vala, na cidade e no campo, na paz e na guerra.

Por quantas estradas e vielas passem as caravanas congratulatórias e o seus patrocinadores, o sambamaqui, como um cão, estará emboscado com criatividade de fato e de direito.

Fazer justiça ao camelo não significa limar o dromedário do circo. Macacas de auditório, sejam bem-vindas, mas não paguem mico!"

Aldir Blanc – Livro Heranças do Samba (Aldir Blanc, Hugo Sukman e Luiz Fernando Vianna) 

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Dia do Samba em São Paulo


Boa noite a todos,

Serão muitas, e merecidas, as comemorações em tributo ao Dia do Samba! A cidade aquece-se pela semana e serão muitas as opções de vermos grandes artistas.

Na terça a Prefeitura faz uma festa antecipada na Praça da Luz. Na quinta, real Dia do Samba, o show de Diogo Nogueira e Jorge Aragão é o destaque, e no sábado se segura que o bicho pega na Roosevelt. Confira!

Terça-feira 30/11

Prefeitura comemora Dia do Samba antecipado

Na Praça da Luz haverá um show gratuito em homenagem ao centenário do compositor Adoniran Barbosa no próximo dia 30, às 19 horas. Os artistas convidados são Alcione, Arlindo Cruz, Carlinhos Vergueiro, Demônios da Garoa, Diogo Nogueira, Dudu Nobre, Eduardo Gudin, Fabiana Cozza, Hamilton de Holanda, Jair Rodrigues, Jorge Aragão, Leci Brandão, Maestro Ivan Paulo, Mariana Aydar, Paulo Vanzolini e Renato Braz.

Quinta-feira 02/12

Diogo Nogueira, Jorge Aragão e Mocidade Alegre no Dia do Samba

Recém chegado da Europa, Diogo Nogueira volta a se encontrar com os fãs de São Paulo. O show faz parte da turnê de divulgação do mais recente trabalho do cantor, "Tô Fazendo a Minha Parte". Além de músicas desse disco, Nogueira também prepara alguns clássicos do samba para o repertório do show que terá um convidado muito especial para dividir o palco: Jorge Aragão. O encerramento da noite fica por conta da bateria da escola de samba Mocidade Alegre.

Onde: A Seringueira - Av. Francisco Matarazzo, 694
Quando: quinta, às 21h.
Quanto: R$ 40,00 (pista 1º lote) - R$ 80,00 (pista vip 1º lote)

Sesc Vila Mariana convida Guga Stroeter, Nei Lopes e mais.

Show em comemoração ao Dia Nacional do Samba, um dos estilos musicais tipicamente brasileiro com Guga Stroeter & Orquestra HB e participações especiais de Nei Lopes, Armando Marçal, Mário Sérgio e Dona Duda.

Onde: SESC Vila Mariana
Quando: quinta, às 21h.
Quanto: R$ 4,00 a R$ 16,00

Sábado 04/12

Graça Braga, Quinteto e Fabiana Cozza

Imperdível! Some-se duas das melhores vozes do samba em São Paulo, com o grupo Quinteto em Branco e Preto, e então temos um dos melhores sambas de São Paulo tudo num lugar só. A comemoração que vem acontecendo todo ano, se repetirá ao lado da Praça Roosevelt no Bar Você Vai Se Quiser, bar este que é conduzido pela Graça Braga.

Domingo 05/12

Trem do Samba


Está aí um projeto que temos que valorizar. É um projeto que acontece há algum tempo no Rio de Janeiro com muito sucesso, e que pela acontecerá pela terceira vez em São Paulo. O trem sairá do Grajaú às 11h e durante o trajeto a festa é garantida.

Bom samba a todos nós!

sábado, 27 de novembro de 2010

Último Desejo

Esta pérola de Noel Rosa, interpretada por Wilson das Neves na cena final do filme em homenagem ao mestre.

Noel é um dos maiores sambistas de todos os tempos, e vivendo apenas 26 anos fez uma das obras mais vastas, intensas e ricas da música brasileira. Escute Noel, procure Noel. Você irá reconhecê-lo em diversos artistas contemporâneos do Brasil.



Último Desejo (Noel Rosa)

Nosso amor que eu não esqueço
E que teve seu começo
Numa festa de São João
Morre hoje sem foguete
Sem retrato, sem bilhete
Sem luar e sem violão

Tudo penso nada falo
Tenho medo de chorar
Nunca mais quero seu beijo
Mas meu ultimo desejo
Você não pode negar

Se alguma pessoa amiga
Pedir que você Ihe diga
Se você me quer ou não
Diga que você me adora
Que você lamenta e chora
A nossa separaçao

E as pessoas que eu detesto
Diga sempre que eu não presto
Que o meu lar é um botequim
Que eu arruinei sua vida
Que eu não mereço a comida
Que você pagou prá mim

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Agenda do Fim de Semana: Anhanguera, Quinteto, TomZé e mais!‏

 
Boa noite amigos,

A temperatura da cidade começam a subir, e o termômetro do samba não fica atrás, e quem procura um bom lugar para se divertir e dançar encontra em São Paulo diversas opções, em especial na sexta-feira que se aproxima. O blog Samba Cidade separou algumas boas dicas para você. Bom samba a todos nós!

Quinta

Quem: Quinteto em Branco e Preto
Onde: Você Vai Se Quiser – 20h
Quanto: R$ 15

Sexta

Quem: Tom Zé
Onde: Comitê Club – 24h
Quanto: R$ 30

Quem: Ney Silva – Anhanguera Dá Samba
Onde: Clube Anhanguera
Quanto: R$ 15

Quem: Ministério do Samba canta Noel e Adoniran
Onde: C.C.P.C. - 22h30
Quanto: R$ 10

Quem: 7 anos de Traço de União
Onde: Traço de União – 23h
Quanto: R$ 100 – open bar

Quem: Samba do Bulê
Onde: R. Nilton Prado, 766
Quanto: R$ 2

Domingo

Quem: Kolombolo – Praça do Samba
Onde: Pça Aprendiz das Letras – a partir das 15h
Quanto: grátis

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Homenagem a Noel Rosa no CCBB‏


Boa noite amigos do samba,

De 23 de novembro a 14 de dezembro, todas as terças-feiras acontecerá no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) uma série de shows que celebra o centenário de nascimento de Noel Rosa, “Noel Rosa, Um novo século”.

A homenagem destaca o viés contemporâneo de sua obra por meio de releituras pouco convencionais.

Com curadoria e direção artística do músico Luís Filipe de Lima, os espetáculos têm participação de Paulo Miklos, Jards Macalé, Arto Lindsay, Kassin, Moreno Veloso, Domenico Lancelotti, Pedro Sá, Benjamim Taubkin, Marina de la Riva, Quinteto em Branco e Preto e o grupo Brasøv.

Dia 30/11

Paulo Miklos e Quinteto em Branco e Preto

Músico, ator e vocalista da banda de rock Titãs, Paulo Miklos revisita a obra do Poeta da Vila com toda a sua verve. Ele divide o palco com o Quinteto em Branco e Preto, grupo que está na linha de frente da jovem geração de sambistas paulistanos. O encontro elenca alguns dos maiores sucessos de Noel e realça o caráter atemporal de sua poesia, seu humor ácido, a crítica de costumes que permanece ferina e precisa.

Dia 07/12

Marina de la Riva e Benjamim Taubkin

Marina de la Riva é cantora brasileira com notável influência da música cubana, herança de sua ascendência paterna. Ela propõe releituras instigantes da obra noelina, transitando por referências diversas. O pianista e compositor Benjamim Taubkin, um dos maiores nomes da música instrumental brasileira, também participa do programa, ora na condição de solista, ora dialogando com Marina.

Dia 14/12

Arto Lindsay, Kassin, Moreno Veloso, Domenico Lancelotti, Pedro Sá e Luís Filipe de Lima

O músico, compositor e produtor Arto Lindsay mostra sua personalíssima leitura da obra de Noel, ladeado por importantes nomes da cena pop contemporânea brasileira: Kassin, Moreno Veloso, Domenico Lancelotti (que integram, entre outras formações, a Orquestra Imperial). Os quatro são escoltados pela guitarra de Pedro Sá e o violão de sete cordas de Luís Filipe de Lima.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Quinteto em Branco e Preto Homenageia Luiz Carlos da Vila

Boa noite amigos,

Como de praxe, na última quinta-feira do mês tem samba dos bons! O excelente grupo Quinteto em Branco se apresenta no dia 25/11, prestando uma homenagem ao grande sambista Luiz Carlos da Vila, falecido há dois anos. Imperdível!

Quem: Quinteto em Branco e Preto
Quando: 25/11 - 20h
Quanto: R$ 15,00
Onde: Você Vai Se Quiser - Rua João Guimarães Rosa, 241

Confira como foi a homenagem no ano passado!


 

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Agenda do final de semana!


Boa noite amigos do samba,


Este final de semana comemoraremos o dia da Consciência Negra, e a despeito do quanto isto é importante para todos nós, o bacana é que isto acaba sempre envolvendo samba. E as festividades são muitas com destaque para o show que acontece no sábado na Sé, às 20h, com a presença de Dona Ivone Lara, Arlindo Cruz e Osvaldinho da Cuíca. Em Guarulhos a convidada é a ativa Leci Brandão no Pátio de Eventos Adamastor em show que começas às 19h.

Além disto a cidade tem outras boas opções de samba, entre elas o show do Edu Batata hoje na sexta no Ó do Borogodó e do Tuco e Batalhão de Sambistas no Parque do Carmo em Itaquera no sábado. Ainda teremos excelente Banda Glória que se apresenta no sábado na Choperia do Sesc Pompéia.

Bom o samba tá aí para quem quiser!

“Um sorriso negro, um abraço negro
Traz felicidade”

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

7 anos de Traço de União


Boa noite amigos,

Na semana passada comemoramos os 7 anos do Bar Samba, que fica na Fidalga, Vila Madalena. Na semana que vem, no dia 26/11, é a vez de comemorar os também 7 anos do Traço de União.

O Traço de União é, ao meu ver, uma das casas de samba mais estruturadas de SP. O ambiente é bonito, limpo, tem espaço prá sentar, prá dançar, dois bares, estacionamentos, etc. Além disto é uma das poucas casas de São Paulo que sempre convida intérpretes diferentes para suas noites. Por lá passaram renomados como Luiz Carlos da Vila, Almir Guineto, Nelson Sargento, mas também novos nomes como Ana Costa, Serginho Meriti, Moyseis Marques e muito mais.

A casa tem um porém que não agrada a todos, pois se tornou um lugar de balada onde muitos nem estão ligados ao samba, o que para mim não é bom, mas é melhor uma balada que toque samba, do que músicas internacionais. Além disto a casa possui sim boa música, e um repertório que perpassa do tradicional samba de Cartola, ao novíssimo samba do Quinteto em Branco e Preto e Moyseis Marques.

E nestes 7 anos de vida, a casa comemora com um elenco prá lá de bacana, contando com: Nelson Sargento, Velha Guarda do Camisa Verde e Branco, Velha Guarda Show da Nenê da Vila Matilde e Betinho, Almir Guineto, Luizinho SP, Sombra, Serginho Meriti, Carlão Maneiro, Aldo Bueno, Dayse do Banjo e Banda Traço de União. Neste ano será feito uma grande homenagem ao Alberto Alves da Silva Filho, o Seu Nenê da Vila Matilde , fundador da escola de samba Nenê de Vila Matilde e que morreu neste ano.

Os ingressos estão sendo vendidos antecipadamente, e costumam esgotar bem antes, portanto se tem interesse garanta logo o seu. O valor é salgado (R$ 100), mas em compensação a festa será open bar.

Vida longa ao Traço de União.

Quem: 7 anos do Traço de União
Quando: 26/11 – 22h
Onde: Traço de União – Rua Claudio Soares
Quanto: R$ 100 – open bar

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Parabéns Paulinho da Viola!



Hoje o príncipe do samba, Paulinho da Viola, completa 68 anos de vida e de contribuição à cultura brasileira! O Samba Cidade tem orgulho de homenagear a realeza do samba. Vida longa ao mestre!



7 anos de Bar Samba

Boa noite,


Ele fica ali na Vila Madalena, e tem se tornado um dos xodós da noite paulistana para os apreciadores do samba. Tem sempre a presença do excelente grupo Dose Certa, e vez em sempre convida grandes sambistas para colocar em cartaz a nossa acolhedora cidade.

O Bar Samba comemora 7 anos com dois ases do samba: Fundo de Quintal e Dona Ivone Lara. E no sábado para começar a esquentar a presença é do grande Moacyr Luz.

A festa começa no domingo às 14h e não tem hora para acabar. Imperdível.

Parabéns Bar Samba!

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Dona Ivone Lara e Délcio Carvalho no SESI SP‏



Boa noite,


Ela é a grande dama do samba e ele seu fiel parceiro nas importantes composições do samba. E o palco do SESI São Paulo é quem os recebe na quarta-feira, às 20h.

Isto faz parte do projeto Quartas Musicais, que já contou com Teresa, Fabiana Cozza e que tem neste mês a atração supracitada e ainda receberá Elton Medeiros na semana seguinte.


Quem: Dona Ivone Lara e Délcio Carvalho
Quando: 17/11 - quarta-feira
Onde: Centro Cultural Fiesp –Teatro do SESI –Av. Paulista, 1.313 – 20h
Quanto: R$10,00 (inteira)

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Agenda do Samba do mês de novembro!


Boa noite amigos do samba!

É com grande prazer e orgulho que apresento a agenda do samba de novembro, com grandes atrações e o samba cada vez mais quente para este verão e carnaval que se aproxima.

E neste mês temos alguns destaques, dentre eles o show de Diogo Nogueira e Leci Brandão na Rosas de Ouro, o dia da Consciência Negra na Praça da Sé, o show de Roberta Sá no HSBC Brasil, entre outros.

Tem coisas que não assim samba, mas que também merecem destaque. O show do Ney Matogrosso no Sesc Pinheiros (esgotado em 1h30 de vendas), Tom Zé no Comitê Club, Cauby Peixoto, e muito mais!

Tem duas casas de samba que comemoram tempo de história com shows prá lá de animados, e por coincidência ambas com 7 anos de história. Traço de União leva como ases Almir Guineto, VG da Camisa Verde e Branco, Nelson Sargento e outros. O Bar Samba traz somente dois grandes ases, mas de grande peso: Dona Ivone Lara e Fundo de Quintal.

Você pode conferir isto e muito mais na agenda do samba na lateral direita deste humilde blog, e pode sugerir, me escrever e dizer o que mais tá rolando por aí e que eu ainda não coloquei. Com certeza muita coisa aparecerá e terei prazer em dividir com vocês.

Bom samba a todos nós!

"Esta chuva miúda para o sambista é uma coisa a toa,
Samba miúda no samba é garoa"

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Agenda do final de semana

Boa noite amigos,

Fim de semana chegou e é hora de combinar a planejar as andanças pela cidade. 

Na sexta-feira tem, como de costume, o mestre Monarco no Bar Brahma. Também num ato costumeiro, mas de semelhante qualidade o Traço de União apresenta o mestre Sombrinha - que no sábado viaja ao RJ para participar do sensacional Candongueiro.

E sexta fim de mês é dia de que? É dia de Anhanguera Dá Samba que desta vez convida grande Moacyr Luz para uma roda que será memorável. E ainda tem Quinteto em BP na Casa do Samba - casa que não gosto muito pelo estilo. 

No Sesc Pinheiros, Ivan Lins comemora 40 anos de carreira em shows que vão por todo o fim de semana. O artista é uma boa pedida para quem procura algo mais tranquilo. O Tom Jazz apresenta o talento de Rodrigo Maranhão no Tom Jazz, para quem não conhece o compositor ganhou prêmio Grammy por Caminho das Águas, famosa na voz de Maria Rita. É de sua autoria também a música Samba de um Minuto, gravado por Roberta Sá.

No domingo a pedida é ir prá Vila Madalena. De grátis acontece a Praça do Samba com o Kolombolo Diá Piratininga que recebe no domingo Samba de Roda da Dona Aurora. Ali do lado a pedida é ver a banda Pau D'Água quebrando tudo no ó do Borogodó. 

Sexta

Quem: Monarco
Onde: Bar Brahma
Quanto: R$ 40

Quem: Sombrinha
Onde: Traço de União
Quanto: R$ 30 H e R$ 20

Quem: Moacyr Luz
Onde: Clube Anhanguera
Quanto: R$ 10

Sexta e sábado

Quem: Ivan Lins
Onde: Sesc Pinheiro
Quanto: ingressos esgotados (R$ 30)

Quem: Rodrigo Maranhão
Onde: Tom Jazz
Quanto: R$ 40

Domingo
Quem: Kolombolo
Onde: Rua Belmiro Braga
Quanto: grátis

Quem: Pau D'Água
Onde: Ó do Borogodó
Quanto: R$ 20



terça-feira, 26 de outubro de 2010

Roberta Sá e Trio Madeira em São Paulo


Boa noite,

Este post foi antecipado por saber que este será um show muito disputado e que a compra de ingressos tem de ser feita o quanto antes.

“Quando o Canto É Reza” é resultado do encontro da cantora Roberta Sá e do Trio Madeira Brasil (de Marcello Gonçalves, Zé Paulo Becker e Ronaldo do Bandolim) com o universo musical de Roque Ferreira e que agora será apresentado no Hsbc Brasil no dia 11 de novembro. Infelizmente por um único dia.

Roberta Sá tem se destacado no samba atual por conseguir atingir de uma forma mais ampla os ouvintes de música brasileira, e não somente sambistas. A escolha de compositores, bons arranjos, excelentes parceria a coloca como um dos principais destaques da música brasileira. Além de ser linda e ter uma voz afinadíssima.

O álbum é uma rica mistura entre a simplicidade da música de Roque com os arranjos sofisticados do Trio Madeira Brasil e com uma interpretação marcante de Roberta Sá. O ponto de partida para a realização do projeto foi o encantamento dos quatro artistas pela obra de Roque, que já foi gravado por artistas como Clara Nunes, Maria Bethânia, Alcione e Zeca Pagodinho.

Com produção de Pedro Luís (Pedro Quental, Pedro Luís e a Parede) e direção musical de Marcello Gonçalves, “Quando o Canto É Reza” abre espaço para a música instrumental, bem equilibrada com a voz de Roberta Sá.  O álbum passeia de forma natural por diferentes ritmos, como coco, maxixe, samba carioca, maracatu, ijexá, ciranda, afoxé, samba-choro e samba-de-roda. Imperdível!

Quem: Roberta Sá
Quando:  11/11
Onde: HSBC Brasil
Quanto: de R$ 25 a R$ 120

Roberta Sá e Chico Buarque

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Anhanguera Dá Samba convida Moacyr Luz

Moacyr Luz é o convidado do Anhanguera Dá Samba

Ele é um dos mais atuantes sambistas da atualidade. Comanda roda de samba, escreve, twitta e ainda faz samba de primeira. Parceiro de mestres como Aldir Blanc, Luiz Carlos da Vila, e com centenas de canções gravadas, Moacyr Luz é o convidado do Anhanguera Dá Samba que acontece nesta sexta-feira, 29/10. Alguém tem alguma dúvida que vai ser roda para ser lembrada? 

Moacyr é sobretudo um apaixonado pelo Rio de Janeiro e pela cultura carioca. Amante dos subúrbios, das esquinas e bares escondidos pela cidade. Um sujeito de grande simpatia e simplicidade. E isto se reflete na sua música. Já foi gravado por Zeca, Beth, Gilberto Gil, Maria Bethânia e muita gente importante. 

O Anhanguera Dá Samba voltou com tudo, e na última sexta-feira é a grande pedida para quem quer sacolejar e ouvir samba de primeira logo ali no Bom Retiro.Acompanhando Moacyr Luz a banda Inimigos do Batente.

Quem: Moacyr Luz e Inimigos do Batente
Quando: 29/10 - 23h
Quanto: R$ 10
Onde: Clube Anhanguera - Rua dos Italianos nº 1261

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Agenda do final de semana: Paulinho da Viola, Casuarina, Fundo de Quintal e muito mais

As rodas de samba da cidade são sempre boas pedidas
 Boa noite amigos do samba,

E mais um fim de semana se aproxima, e o ano fica cada mais próximo do final. Por mais triste, ou feliz, que isto possa ser. Mas atenhamo-nos somente ao final de semana que se aproxima.

A sexta está recheada de boas atrações que já foram divulgadas pelo blog, mas que merecem nova atenção. Para começar a noite o show da Graça Braga no Sesc Pompéia, e para terminar a noite estender até o Vila do Samba, onde se apresenta o Fundo de Quintal, ou mesmo ir ver o Monarco, mais uma vez no Bar Brahma. No Traço de União, o ex-Fundo de Quintal, Mário Sérgio, é quem comanda a roda.

No sábado tem Casuarina mais uma vez no Comitê Club botando a galera para sambar. A tarde Adilson Bispo, autor de músicas como “Conselho”, “Falso Reinado”, entre outros sucessos. O mestre Paulinho da Viola termina sua temporada de shows em São Paulo no Teatro Fecap, apresentando-se no sábado e domingo.

Não tanto samba assim, mas com uma música prá lá de reconhecida, a cantora Joyce é outro destaque da programação se apresentando no Sesc Vila Mariana, fazendo uma releitura do seu clássico “Feminina”.

E por fim tem as muitas rodas de samba em São Paulo. Cada qual que encontre a sua preferida e curta bem o final de semana. Indico neste fim de semana o Projeto Terreiro de Samba de Mauá que já tem mais de 7 anos na atividade sambística.

Bom samba a todos nós!

Eita samba feito pra dizer verdade
Quem tiver vontade basta abrir o peito”

Sexta

Quem: Graça Braga
Onde: Sesc Pompéia – 21h
Quanto: R$ 16 inteira

Quem: Fundo de Quintal
Onde: Vila do Samba – 23h
Quanto: R$ 40 H e R$ 20 M

Quem: Monarco
Onde: Bar Brahma – 22h             
Quanto: R$ 40

Quem: Mário Sérgio
Quanto: R$ 30H – R$ 20 M

Sábado

Quem: Casuarina
Onde: Comitê Club – 24h
Quanto: R$ 30

Quem: Adilson Bispo
Quanto: R$ 40 H e R$ 20 M

Quem: Paulinho da Viola
Onde: Teatro Fecap – 21h sáb e 19 dom 
Quanto: R$ 150 inteira

Quem: Joyce
Onde: Sesc Vila Mariana – 21h sáb e 18h dom
Quanto: R$ 20 inteira

Domingo
 
Quem: Projeto Samba de Terreiro de Mauá
Onde:Bar do Buiú - Rua San Juan, 121- Parque das Américas - Mauá/SP
Quanto: Grátis

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

O Rio de Janeiro continua lindo

Entrada da Quadra da Portela em Osvaldo Cruz/Madureira
Não, não é ufania, nem tampouco descaso às razões e problemas sócio, econômico, culturais. Sim, existe a violência, sim, exista a corrupção. E existe ainda a pior complacência do poder público em relação aos temas citados, mas continuo afirmando e reafirmando: o Rio de Janeiro continua lindo.

E me refiro mais do que a topografia que caracteriza a cidade, mais do que as extensas praias recheadas de esportes, pessoas bonitas e democracia. Me refiro a um estilo de vida e da ligação tão forte desta cidade com a música.

No feriado que se passou fui viajar ao Rio de Janeiro e fiz uma verdadeira incursão ao samba. De Madureira à Lapa, de escola de samba à roda, do popular ao refinado. E o que vi? Vi um povo que conhece suas raízes, que valoriza o que é de sua terra e que transpõe para a vida a forma brasileira de viver e a musicalidade de um povo. Me refiro mais do que ao pejorativo jeitinho brasileiro e ao ócio desmedido que falsamente caracterizam esta cidade.

Digo da integração deste povo com sua terra, e do sentimento de se sentir parte do que se é construído. Alguém duvida que a auto estima, e se sentir parte da sociedade ajuda a melhorar a vida de qualquer um e do país?

E assim foram minhas caminhadas boêmias pelo Rio de Janeiro, começando no sábado a tarde acompanhando a linda homenagem a Zé Ketti em Madureira, na quadra da Portela. Com presenças importantes de Elton Medeiros, VG da Portela, Monarco, Zé Renato e mais alguns artistas. Na noite a pedida foi ir ao lindo Trapiche Gamboa para ver o Galocantô cantando só sucessos. Bar esta que é o cenário para o programa Samba na Gamboa de Diogo Nogueira.


 

Domingo o dia foi da preguiça, e esticar as pernas no Arpoador para curar a ressaca, e terminar a tarde tomando uma cervejinha em Ipanema/Leblon. A noite ver um samba de roda na Lapa e dormir mais uma  vez inebriado pelo som do samba e pela maresia que ronda aqueles ares.

Segunda para mim foi o melhor dia. Logo após o almoço rumamos para uma das melhores rodas de samba que já frequentei. Repertório sensacional, público amistoso, roda de primeira, compositores, cantores e músicos idem, e por fim as canções entoadas pela população sambística era de emocionar e de tocar a alma. Este samba fica no Andaraí e acontece toda segunda-feira, e conduzida pelo grande Moacyr Luz ganhou o divertido apelido de Samba do Trabalhador, e em plenas segundas-feiras arrasta multidões ao seu entorno.

 

E na noite da segunda-feira a grande pedida foi ver a nova casa do Cordão da Bola Preta recebendo o show de Moyseis Marques e Teresa Cristina. A casa tem alguns bons pontos a melhorar, como por exemplo o caixa, o banheiro e a entrada, mas o show foi sensacional.

 

Coloquei algumas fotos no flickr, e podem ser conferidas na lateral direita do blog, e divido com vocês alguns vídeos que fiz nas andanças. Espero que sirva como bom roteiro a quem visitar ao RJ. Mas digo, os roteiros do samba parecem infinitos.

O Rio de Janeiro, definitivamente, continua lindo. 

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Graça Braga no Sesc Pompéia

Graça Braga, uma das força do samba de São Paulo

Ela é uma das grandes intérpretes do samba de São Paulo, ela comanda uma das principais rodas da cidade, ela é uma mulher de personalidade que mostra sua força na administração do Bar Você Vai Se Quiser no Centro de SP. 

Ataca de compositora, administradora, intérprete, sambista completa. E neste universo muitas vezes masculino ela conseguiu se impor, e todas as tardes de sábado arrasta amantes do samba que vão para vê-la botar fogo no salão com a força de sua voz e seu balanço. 

E nesta sexta Graça Braga canta o repertório do seu primeiro CD solo "Eu sou Brasil". Acompanhada pelo grupo Candeeiro, sambista integrante da comunidade Samba da Vela e do Berço do Samba de São Mateus e ainda contará com atrações surpresas. 
Quem: Graça Braga
Onde: SESC Pompeia
Quando: 22/10, Sexta, 21h30
Quanto: R$ 16,00 inteira

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Agenda do final de semana - Monarco, Arlindo, Paulinho da Viola e mais!‏

Quem não gosta de um bom samba?
Boa noite amigos do samba,

E a agenda do final de semana já começa hoje com a cantora carioca Ana Costa no Traço de União, ela que já foi back vocal de Mart´nália hoje segue carreira solo e vem se consolidando como um dos novos talentos do RJ. O show acontecerá no Traço de União. Traço de União que também recebe na sexta Sombrinha, que foi integrante do grupo Fundo de Quintal e que quando se apresenta é só sucessos. Ainda para quinta-feira existe a opção de ver Serginho Meriti e Samba da Laje no Vila do samba.

Sexta o cantor Edu Batata comanda uma roda de samba prá lá de animada no Ó do Borogodó com muitos convidados. Mas outra boa pedida é ver o tradicionalíssimo Monarco, no também tradicional Bar Brahma. Coisa fina de se ver hein? Por fim tem o mestre Arlindo Cruz que se apresentará no Espaço Santa Clara.

No sábado e domingo tem Paulinho da Viola no Teatro FECAP, e eu estarei lá para conferir e tentar fazer algumas imagens. Ainda pelo sábado tem Samba da Vela de graça na Galeria Olido fazendo parte do “Outubro Independente”, um festival que privilegia novos talentos e grupos independentes.

No sábado a noite indico a todos uma banda pernambucana que tem feito sucesso pela releitura de músicas de Chico Buarque. Trata-se da banda Seu Chico que se apresenta no Comitê Club e bota todo mundo prá dançar ao som de “Rita”, “Vai Passar” e muito mais.

Além das opções citadas, ainda há os sambas da cidade do qual destaco o Você Vai Se Quiser com a Diva Graça Braga, Edu Batata e Tito Amorim, além do Grupo Reduto que se apresenta a noite no Magnólia Bar, uma boa pedida para um som bom e suave pro final da noite.

Por enquanto é isto, conforme forem surgindo mais coisas, irei atualizando este post.

Bom samba!

Quinta

Quem: Serginho Meriti e Samba da Laje
Onde: Vila do Samba
Horário: 23h
Quanto: R$ 20 H e mulher vip

Quem:  Ana Costa
Onde: Traço de União
Horário: 23h
Quanto: R$ 25 H e R$ 20 M

Sexta

Quem: Edu Batata e convidados
Onde: Ó do Borogodó
Horário: 23h
Quanto: R$ 20

Quem: Sombrinha
Onde: Traço de União
Horário: 23h
Quanto: R$ 30 H e R$ 20 M

Quem: Monarco
Onde: Bar Brahma
Horário: 22h
Quanto: R$ 40

Quem: Arlindo Cruz
Onde: Espaço Santa Clara
Horário: 22h
Quanto: R$ 20 H e R$ 10 M

Sábado

Quem: Paulinho da Viola
Onde: Teatro FECAP
Horário: 21h sáb e 19h dom
Quanto: R$ 150 inteira

Quem: Seu Chico
Onde: Comitê Club
Horário: 24h
Quanto: R$ 30

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Fundo de Quintal no Vila do Samba


Boa noite,

Eles foram um dos grandes revolucionadores do samba. Surgiram em um comunidade pobre no Rio de Janeiro e de lá fizeram um movimento que mudou a trajetória do samba, e na semana que vem estarão em Sào Paulo para um show no Vila do Samba.

A primeira formação do conjunto de samba tinha Almir Guineto, Bira Presidente, Jorge Aragão, Neoci, Sereno, Sombrinha e Ubirany. Eles se reuniam sempre às quartas-feiras para fazer um som que atraiu a atenção de gente importante do mundo do samba, utilizando de instrumentos até então incomuns nas rodas de samba, como o banjo com braço de cavaquinho (criado por Guineto), o tantã (criado por Sereno), o repique-de-mão (criado por Ubirany) e o repique-de-anel.

Em 1981, deixaram o Fundo de Quintal figuras importantes do samba como: Almir Guineto, Jorge Aragão e Neocy, que mais tarde viria a falecer. Entretanto, o conjunto ganhou dois novos integrantes: Arlindo Cruz e Walter Sete Cordas. E com esta formação foi que o grupo alcançou seu ápice gravando diversos discos célebres do samba.


Em 1991 Sombrinha sairia do grupo e em 1993 seria Arlindo Cruz, criando uma das duplas mais famosas do samba, com os dois ex-intergrantes do Fundo de Quintal. Hoje o grupo tem uma formação bem diferente - restaram Ubirany e Bira Presidente, mas ainda empunha a força do samba e desta corrente de talentos do Cacique de Ramos.

Quem: Fundo de Quintal
Quando: 22/10
Onde: Vila do Samba
Quanto: H R$ 40 - M R$ 20

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Agenda do samba em Outubro

 

Boa noite amigos do samba,

Neste mês o samba vem com menor volume, mas com grande qualidade. Principalmente pela principal atração, o show do excelente Paulinho da Viola. O Príncipe do Samba se apresenta no Teatro FECAP nos próximos 3 finais de semana, num clima intimista e cantando os maiores sucessos de sua carreira. O valor é um pouco caro, mas sinceramente Paulinho é coisa para ser vista ao menos uma vez na vida, e seu vejo sempre que posso. O cantor tem seu próprio tempo, e adentrar nesta intimidade de Paulinho nos faz sair do chão e enxergar um pouco deste mundo singelo e delicado.

O feriado é outro grande destaque da agenda do mês, isto porque além de Paulinho, um outro parceiro seu se apresenta no Sesc Vila Mariana. Trata-se de Eduardo Gudin, grande ás do samba paulistano e da música brasileira, que comemora seus 60 anos de idade, no Sesc Vila Mariana, com a presença dos amigos e parceiros que fez por toda a vida “sambística”. 

Se não fosse só Paulinho e Gudin, ainda teremos Samba do Monte comemorando 2 anos com o performático Osvaldinho da Cuíca, e a presença do marcante Pedro Miranda lançando o CD Pimenteira no Sesc Pompéia. E por fim a grande dama do samba, Dona Ivone Lara, se apresenta no CCJ Ruth Cardoso, imperdível!

Na sexta do feriado, e de todo o mês de outubro a grata surpresa da presença de Monarco no Bar Brahma. Ele que é um dos principais intérpretes e compositor da Portela se apresenta no tradicional bar, num show para lá de animado. A temporada de shows da Maria Rita também continua, e na segunda ela é pedida certa para quem quer um excelente show, porém “salgado”.

As casas de samba de São Paulo inclusive tem ajudado na agenda trazendo sambistas da pesada. É o que acontece com a visita de Ana Costa, Mario Sérgio, Sombrinha e Adilson Bispo no Traço de União, do Fundo de Quintal no Vila do Samba e por fim Casuarina e a banda Seu Chico no Comitê Club. Tudo com clima de balada, mas com um bom som de fundo.

Pelo mês ainda teremos o show de Ivan Lins, Fabiana Cozza, e muito mais coisa que com certeza pintará por aí, e estarei atento para divulgar.

Bom começo de outubro, feriado e samba para todos nós.

"Ser feliz num gesto de amor
Meu país acendeu a cor"